O ÓDIO

outubro 13, 2018

ódio (do latim odiu), também chamado de execraçãoraivarancor e ira,é um sentimento intenso de raiva e aversão. Traduz-se na forma de antipatia, aversão, desgostorancor, inimizade ou repulsa contra uma pessoa ou algo, assim como o desejo de evitar, limitar ou destruir o seu objetivo. O ódio pode se basear no medo, justificado ou não. É descrito com frequência como o contrário do amor ou da amizade; outros, no entanto, como Elie Wiesel, consideram a indiferença como o oposto do amor

O ódio é umas das emoções mais fortes que um ser humano pode sentir. Odiar alguém vai muito além de simplesmente não gostar ou achar irritante; você pode perceber que não consegue parar de pensar na pessoa, ou fantasia com machucá-la ou humilhá-la. Odiar alguém é exaustivo, e você só sai ganhando se conseguir se livrar desse sentimento, não importa o quanto a pessoa mereça.



Pergunte a si mesmo para que serve o ódio. Ajuda em algo? Mesmo que perceba que esse ódio o energiza de alguma forma, é muito provável que você também perceba que ele o drena.
  • Se a pessoa for um amor antigo, Harriet Lerner, doutora em psicologia, sugere que o ódio é uma forma de manter uma ligação. Além disso, pode ser uma forma de vingança - esperamos que nossos ex um dia percebam o quanto nos machucaram, o que é muito pouco provável.[1]
  • A Dra. Lerner também diz que para algumas pessoas, seguir em frente está muito relacionado a perdoar, e isso torna tudo muito mais difícil. É um cliché, mas é verdade que "viver bem é a melhor vingança".[2]
  • Talvez o ódio o torne mais ambicioso, competitivo e bem-sucedido. Essas são qualidades que você pode desenvolver sem que estejam conectadas à emoção má e exaustiva do ódio.

You Might Also Like

0 comentários, deixe o seu!

Popular Posts

Follow by Email